Adágio.

Por

Nazarethe Fonseca

Todos os direitos reservados a Autora®

 

Quero estar na semi – escuridão das velas.

Esperando tua chegada, coberta de seda e damasco.

Vagando ansiosa pelo leito desfeito.

Que atravesse a porta tal qual intruso.

Não quero que me dispa.

Toma-me, ergue minha saia buscando penetrar-me.

Antes mesmo de beijar-me.

Não desate meus laços, tão pouco solta meus cachos.

Apenas mergulha na minha carne ansiosa,

Como um mergulhão esfomeado ao mar.

 

Deixa seus dedos deslizarem por meus tornozelos enquanto,

Afundas um pouco mais em meu corpo, nos meus mistérios.

Só então silencia meus gemidos, minha suplicas com tua boca.

 

Resista à dor que minhas unhas provocam na carne de teus ombros.

Deixa-me gemer sobre teus lábios.

Agarrar-me ao teu corpo como um náufrago segura a tábua de salvação.

Tu eis a tempestade de prazer que se abate sobre minha carne.

Levando-me a delirar, lançar gritos de puro deleite a Poseidon.

 

Sou como um barco e aderno, da proa ao tombadilho no mar de teu corpo.

Lanço minhas velas para que as sopre com tua respiração, teus sussurros,

Devassos, meu pequeno Deus mortal.

Teu peito, tua virilha é onde repouso depois do gozo.

Prossegue nessa cavalgada feroz e arrasta-me contigo

Conduzida pelos cabelos tal animal selvagem.

Une-me, completa-me, enquanto estremeço e me entrego a lassidão.

Semelhante a que a morte proporciona aos que toca amante,

Que possui todos sem distinção.

 

Ah! Pudera preservar este deleite no corpo, o toque de teus lábios nos meus e seria eterno.

Vejo-me confusa e trêmula debaixo da força de sua virilidade.

Num turbilhão que vem de te e encontra o meu.

Oh!Hora desejada do gozo dos corpos e das almas mortais.

Leva-me ao paraíso, conduze-me aos céus.

Permite-me esperar que a calmaria venha lenta sobre meus membros

Antes que se afaste de mim, desunindo nossa carne feita gêmea.

E enquanto respiro como submergindo de um mergulho longo,

Encontro o jade de seu olhar.

:: Postado por Nazarethe Fonseca �s 21h38
::
:: Enviar esta mensagem

ankh

[ Perfil ]

Nazarethe Fonseca
Sou uma mulher, pois, assim o divino me destinou a ser. Estou em constante mudança, evolução e até mesmo sujeita a retroceder. Pois nesse corpo bate um coração, nessas veias corre sangue. E como um animal “consciente, falante, civilizado”, posso incorrer a enganos, atos impensados. Não me limitarei a dá qualidades, pois talvez somente eu as perceba. Citarei que acho mais obvio em minha natureza humana, feminina. Tento sempre ser positiva, otimista, sem parece hipócrita, amiga, segura, forte, persistente, grata, consciente, tolerante, paciente, sagaz, ter um propósito, ser movida pela fé, pela idéia de que a nossa volta existe algo mais que o vazio, o silencio ensurdecedor. Talvez isso não seja tudo, mas certamente é o que me ocorre a essa altura da vida. Pois nada pode ser perpetuo quando somos mortais.



[ Favoritos ]





.::ONDE ACHAR O LIVRO::.


SARAIVA

LIVRARIA CULTURA

TRAVESSA

.::MINHAS COMUNIDADES::.
ORKUT
BELTRANO
GAZZAG

Vestindo: Vestindo
Tempo: Tempo
Sentindo: Sentindo
Bebendo: Bebendo
Comendo: Comendo
Ouvindo: Ouvindo
Lendo: Lendo
Assistindo: Assistindo
Navegando:
Navegando
MSN: Falando com...

Links

:: Alma e Sangue, O Império dos Vampiros
:: Alma e Sangue, O Despertar do Vampiro

Votação

Dê uma nota para meu blog

:: INDIQUE ESSE BLOG

Arquivo do Blog

25/10/2009 a 31/10/2009
25/01/2009 a 31/01/2009
21/12/2008 a 27/12/2008
19/10/2008 a 25/10/2008
14/09/2008 a 20/09/2008
31/08/2008 a 06/09/2008
03/08/2008 a 09/08/2008
27/07/2008 a 02/08/2008
20/07/2008 a 26/07/2008
29/06/2008 a 05/07/2008
23/03/2008 a 29/03/2008
02/03/2008 a 08/03/2008
27/01/2008 a 02/02/2008
25/11/2007 a 01/12/2007
11/11/2007 a 17/11/2007
23/09/2007 a 29/09/2007
12/08/2007 a 18/08/2007
10/06/2007 a 16/06/2007
21/01/2007 a 27/01/2007
14/01/2007 a 20/01/2007
03/12/2006 a 09/12/2006
05/11/2006 a 11/11/2006
08/10/2006 a 14/10/2006
03/09/2006 a 09/09/2006
27/08/2006 a 02/09/2006
02/07/2006 a 08/07/2006
25/06/2006 a 01/07/2006
11/06/2006 a 17/06/2006
21/05/2006 a 27/05/2006
14/05/2006 a 20/05/2006
30/04/2006 a 06/05/2006
16/04/2006 a 22/04/2006
09/04/2006 a 15/04/2006
19/03/2006 a 25/03/2006
12/02/2006 a 18/02/2006
01/01/2006 a 07/01/2006
18/12/2005 a 24/12/2005
20/11/2005 a 26/11/2005
30/10/2005 a 05/11/2005
02/10/2005 a 08/10/2005
18/09/2005 a 24/09/2005
11/09/2005 a 17/09/2005
04/09/2005 a 10/09/2005
28/08/2005 a 03/09/2005
21/08/2005 a 27/08/2005
14/08/2005 a 20/08/2005
07/08/2005 a 13/08/2005
31/07/2005 a 06/08/2005
24/07/2005 a 30/07/2005
08/05/2005 a 14/05/2005
08/08/2004 a 14/08/2004
18/07/2004 a 24/07/2004
20/06/2004 a 26/06/2004
13/06/2004 a 19/06/2004

Visitas


O que é isto?

Leia este blog no seu celular


cat

y

ac

s

 


angel

all

alwals



Créditos
Andréa Cândido
Toca Digital